quarta-feira, 23 de abril de 2014

Castrol Footkhana: Show de Neymar Jr. vs Ken Block



neymar e ken block-600x350
A Castrol, marca de lubrificantes e óleos aproveitou o clima de copa do mundo para divulgar um novo vídeo com a participação do atacante Neymar Jr., do Barcelona e da Seleção Brasileira, e Ken Block, o astro da série “Gymkhana” para mostrarem suas habilidades diante das câmeras.
Enquanto Neymar dribla vários obstáculos e faz malabarismos com a bola (juntamente com outros atletas de futebol freestyle), Block acaba com os pneus de seu Ford Fiesta ST. Confira:


Benelli reduz preços de TNT 899 e linha Trek

benelli-tnt899
A Benelli reduziu os preços tanto naked TNT 899 quanto da big trail Trek. A tabela da TNT passou de R$ 38.990 a R$ 36.600, redução de R$ 2.390.
Da linha Trek, da qual fazem parte as versões 899, 1130 e 1130A, a queda pode chegar a R$ 5.700, caso da 899, cuja tabela agora é de R$ 39.990. A 1130 passou a R$ 49.990, ou seja: redução de R$ 2.900. No caso da 1130A, o abatimento é de R$ 2.500. Com isso, o preço sugerido do modelo passou a R$ 53.990.

Conheça as regras e a legislação do uso das carretinhas

carreta-1
O uso de carretinha pode ser uma boa opção para quem gosta de viagem com a família, pois possibilitar carregar a bagagem deixando o conforto do veículo. No entanto, saiba que é necessário obdecer regras específicas. Elas devem ter placa e documentação, além de para-choque traseiro, para-lamas, lanternas, pisca-piscas, freio de estacionamento e faixas refletivas nas laterais e atrás.
Primeiro é necessário instalar no veículo o engate é um item imperativo. Em seguida, escolher uma boa carreta, seja aberta ou fechada a baú, os preços podem variar entre R$ 2400 a R$ 3.500.
LEGISLAÇÃO
Motoristas com habilitação categoria “B” só podem rebocar carretas com até 3.500 quilos de peso bruto total. Acima disso e até 6 toneladas, a CNH deve ser da categoria “C”.
Não há cobrança de IPVA nem seguro obrigatório. A única taxa é a de licenciamento, que, em São Paulo, é de R$ 480.
No caso de carretas novas, o proprietário tem até 30 dias para fazer o registro no Detran. O mesmo prazo vale para a transferência de propriedade. Já mudanças de domicílio e de características devem ser informadas imediatamente.

Quanto custa o reparo ou conserto do câmbio automático?

automatizado-1
Um problema comum é o desgaste prematuro da embreagem. Esse problema ocorre por culpa do motorista que, dirige o veículo  com câmbio automático convencional, como segurar o veículo em ladeiras pressionando o acelerador. Isso abrevia significativamente a durabilidade do conjunto.”

O preço dos reparos dos câmbios automátizados?

Um kit completo de embreagem para um Chevrolet Meriva Easytronic tem preço sugerido de R$ 2.151 na Gran Leste, autorizada da marca no bairro do Belém, zona leste. Como comparação, na cesta com as mesmas peças para um modelo similar, mas com transmissão manual, o custo baixa para R$ 720.

Jeep confirma produção do Renegade e mais dois modelos na China


Jeep-Renegade-Apollo-0[3]
A FCA aproveitou a ocasião do Salão de Pequim para anunciar uma parceria com a fabricante local Guangzhou. Conforme explica a marca, o acordo cria a joint-venture GAC Fiat com o objetivo de produzir modelos da Jeep na China e ampliar a participação dos utilitários no mercado local, que hoje chegam apenas como importados. A montagem será iniciada no fim de 2015 e inclui a fabricação do recém-apresentado Renegade e de mais dois modelos.
Jeep® Cherokee Sageland design concept reflects a distinctive Chinese-inspired personality at the 2014 Beijing Motor Show.
Junto ao anúncio da parceria, a Jeep aproveitou para mostrar aos chineses quatro conceitos. O primeiro, batizado de Apollo, mostra o Renegade (que na China se chamará Zi You Xia, ou “rebelde” em mandarim) numa roupagem um tanto mais agressiva, com acabamento diferenciado e detalhes que imitam cobre. Além dele, estão presentes na mostra o Wrangler Sundancer e o novo Jeep Cherokee (modelo que chega ao Brasil no segundo semestre) em duas visões diferentes: o mais off-roader Sageland e o refinado Urbane.
The Jeep® Cherokee Urbane design concept embraces Chinese colors, patterns and themes at the 2014 Beijing Motor Show.
“Esse anúncio representa o capítulo seguinte na utilização apropriada e expansão em escala global da marca Jeep”, disse Sergio Marchionne, chefão da FCA. A China é o maior mercado para a Jeep fora dos Estados Unidos, com quase 60 mil unidades vendidas em 2013. A marca como um todo representa 75% das vendas do grupo fora da América do Norte.

Yamaha terá duas motos elétricas em 2016

Yamaha eletrica 2016 (1)
Relatório anual da Yamaha, divulgado na última segunda-feira (21), revelou que a marca vai lançar duas motos elétricas em dois anos. São elas a PES1 (naked) e a PED1 (trail), ambas já apresentadas como conceito no Salão de Tóquio do ano passado.
Yamaha eletrica 2016 (2)
Pesando 100 kg e 85 kg, respectivamente, a PES1 e a PED1 compartilham o chassi monocoque e a bateria de lítio, que pode ser removida para recarga independente da moto. Segundo a marca, os modelos poderão receber câmbio manual ou automático e oferecerão conectividade com smartphones e tablets por meio de aplicativos.
Yamaha eletrica 2016 (4)
“Em esportivas, estamos trabalhando para criar um novo valor de motocicletas desenvolvidas para estradas e também para o esporte. Vamos expandir também para o universo off-road as vantagens dos modelos elétricos, que oferecem além da operacionalidade uma nova experiência de condução”, diz o relatório da Yamaha.

Porsche Macan ganha motor 2.0 TSI

Com motor de 240 cv SUV chega a 100 km/h em  6,9 s
wallpaper10-1 
Modelo mais acessível da Porsche, o SUV compacto Macan aparece no Salão de Pequim com nova opção de motor de entrada. Se trata do motor 2.0 TSI – o mesmo que equipa Passat, Golf GTI, Tiguan e Fusca, por exemplo – em versão de 240 cavalos e 35,9 kgfm de torque. É um motor de 4 cilindros num Porsche, mas não é demérito se considerarmos que o Range Rover Evoque tem 240 cv e 34,7 kgfm de torque.
wallpaper7-1 
E até que o motor menor não faz do Macan uma tartaruga. Ele acelera de 0 a 100 km/h em 6,9 segundos e chega a 223 km/h de máxima. Isto sempre com o câmbio PDK de dupla embreagem, única opção com este motor.
As opções de equipamentos são as mesmas das demais versões. O que ainda não se sabe é que esta versão com motor menor ganhará outros mercados além do chinês. 
zoom2-1

Subaru revela vídeo do Novo Outback 2015 para o Nova York Auto Show

Vendas terão início no meio do ano
1037665552139641849 
Apresentado agora para começar a ser vendido juntamente com o início verão norte-americano, o novo Subaru Outback 2015 surge de cara nova. Seguindo os passos de outros modelos da marca, como o Legacy, o novo Outback passa a contar com linhas mais modernas incentivadas pela nova grade dianteira em formato hexagonal.
498963741714826906 
O modelo também conta com novo capô de alumínio, mas continua se destacando pelos 22,1 cm de distância livre do solo, o que ajuda bastante quando o seu uso é fora da estrada. Rack de teto, aerofólio e rodas de liga leve aro 18 completam o pacote de itens de série do SUV nipônico.
7181220502102407932
Sob o capô, dois motores estarão disponíveis. O 2.5l de quatro cilindros, que produz 175 cv e 235 Nm de torque, enquanto o 3.6l de seis cilindros, que desenvolve 256 cv e 334 Nm de torque. Ambos estão conectados a uma transmissão continuamente variável(CVT) Lineartronic que envia energia para o sistema de tração integral que compõe o conjunto motriz do modelo.

Nova geração do Nissan Frontier será lançada em 2015

Produção no Brasil já está confirmada
Série Especial Frontier 10 Anos chega às revendas em novembro com design renovado 
Enquanto automóveis mudam constantemente, para as picapes médias o tempo passa mais devagar. Em 2015 a atual geração da Nissan Frontier completa 10 anos e a “comemoração” marcará o lançamento de uma nova geração, que promete ser mais eficiente que a atual. E a produção no Brasil já está confirmada.
Série Especial Frontier 10 Anos chega às revendas em novembro com design renovado 
Segundo declaração do chefe de marketing global da Nissan, Andy Palmer, para a revista australiana Drive “picapes com capacidade de uma tonelada tem dimensões similares. Eu acho que isso se converte em maior consumo e também o design, características que diferenciam o produto no mercado”. A ideia sugere que, para ser mais interessante aos olhos e ao bolso, a Frontier poderia ficar um pouco menor. 
Série Especial Frontier 10 Anos chega às revendas em novembro com design renovado 
A ideia faz sentido quando você compara as atuais gerações de Chevrolet S10 e Ford Ranger. Eles cresceram muito e perderam parte da pouca praticidade que tem. Isso piora quando você se lembra que nos Estados Unidos as picapes mais vendidas são ainda maiores, como a Ford F-150, Chevrolet Silverado e as RAM.
Segundo a revista australiana a Nissan deve se pronunciar ou mostrar algo sobre sua nova picape dentro de algumas semanas. Também é possível prever para breve uma nova geração do XTerra, que usa a mesma plataforma da Frontier.
O Brasil não fica perdido em meio a isso. A Frontier continuará sendo fabricada em São José dos Pinhais (PR) mesmo em nova geração, segundo declarou o CEO mundial da Nissan, Carlos Ghosn, na última semana durante a inauguração da fábrica da Nissan em Resende (RJ). Na ocasião Ghosn sinalizou que não falta muito para a picape mudar.

Audi A3 Sedan passa a ter versão de entrada por R$ 94.800

Apesar do motor 1.4 de 122 cv, é tão rápido quanto sedãs mais potentes
audi_a3_sedan_1.8_t_s-line_7 
Eleito na última quinta-feira o “Carro Mundial do Ano”, no Salão de Nova York, o Audi A3 Sedan passa a ter nova versão de entrada no Brasil. Custa R$ 94.800, frente ao R$ 113.700 cobrados anteriormente, graças a adoção de um motor 1.4 TFSI de 122 cv e 20,4 kgfm de torque, ao invés do 1.8 TFSI de 180 cv e 25,5 kgfm. O câmbio é sempre o S-tronic de sete marchas e dupla embreagem.
audi_a3_sedan_1.8_t_s-line_11 
O motor 1.4 é o mesmo que equipa o A1 e as versões de entrada do A3 hatch e, apesar da potência, chega a ser mais rápido que sedãs médios mais potentes, graças ao torque disponível em rotações mais baixas. Vai de 0 a 100 km/h em 9,4 segundos e chega à velocidade máxima de 212 km/h, enquanto o 1.8 cumpre o mesmo em 7,3 segundos e alcança 235 km/h. 
audi_a3_sedan_1.8_t_s-line_13 
A versão de entrada já conta com direção eletromecânica Servotronic, controle de estabilidade (ESP), airbags frontais, laterais e para os joelhos do motorista, faróis bi-xênon, computador de bordo, volante multifuncional, vidros laterais e traseiros com isolamento térmico e sistema ISOFIX para cadeirinhas infantis. Ainda há a versão Attraction, com mais equipamentos, e que sai por R$ 99.900.

Preços da linha A3:

  • A3 Sportback 1.4 TFSI: R$ 90,6 mil
  • A3 Sedan 1.4 TFSI: R$ 94,8 mil
  • A3 Sportback Attraction 1.4 TFSI: R$ 95,9 mil
  • A3 Sedan Attraction 1.4 TFSI: R$ 99,9 mil
  • A3 Sportback 1.8 TFSI: R$ 112,4 mil
  • A3 Sedan 1.8 TFSI: R$ 113,7 mil
  • A3 Sport 1.8 TFSI: R$ 115,8 mil
  • A3 Sportback Ambition 1.8 TFSI: R$ 125,1 mil
  • A3 Sedan Ambition 1.8 TFSI: R$ 126,4 mil
audi_a3_sedan_1.8_t_s-line_5

BMW apresenta o Vision Future Luxury

Conceito dá pistas de como será a próxima geração do Série 7
391093907448854939 
Apesar de ter passado por reestilização recentemente, a atual geração do BMW Série 7 foi lançada em 2008, algo que já faz BMW pensar em uma nova geração para o modelo. Os esforços neste sentido podem ser percebidos pela apresentação do BMW Vision Future Luxury no Salão de Pequim.
21040604761992015609 
O conceito segue o estilo do Gran Lusso Coupé, apresentado em 2013 no concurso de Elegância de Ville d´Este, e carrega a responsabilidade de antecipar o carro mais luxuoso da BMW. As formas conseguem ser arrojadas e exageradas ao mesmo tempo, algo sempre esperado de um carro-conceito. Os faróis a laser e a grande grade bipartida se destacam. 
 19187823852080008773 
No interior, as três telas localizadas no painel se destacam. Elas dividem a tarefa de transmitir ao motorista e aos passageiros as informações do veículo e usam tecnologia 3D. O da esquerda substitui o quadro de instrumentos, enquanto o central serve de acesso aos sistemas do carro e o esquerdo fica com os sistemas de entretenimento. Ainda há um head-up display exibindo no para-brisas informações úteis ao motorista, como as direções e a velocidade limite no trecho. 
367215011509101395 
Os passageiros do banco de trás também tem acesso a duas telas que podem funcionar como monitores de informações do veículo ou como tablets, para entretenimento.
O design e a tecnologia do conceito são mais importantes do que o conjunto mecânico, ao menos por enquanto. Talvez por isso a BMW não divulgou informações sobre o motor que move este conceito.
9396181931175734359

Acura revela o novo TLX

Sedã substitui os Acura TSX e TL
1974160486155771271 
Apresentado no Salão de Detroit, em janeiro, ainda como carro-conceito, o Acura TLX surge em versão de produção no Salão de Nova York. Substituto dos TSX e TL, este “Honda de luxo” tem formas interessantes que ganha ares de modernidade com os faróis de LEDs que parecem ter saído da versão conceitual. As lanternas traseiras seguem a mesma tendência.
3689053821372624220 
O interior também é agradável e tem como destaque o sistema multimídia com tela de 7 polegadas e sistema de som premium integrado, além dos assentos dianteiros aquecidos e ventilados.18669310741540687306 
Há bons predicados no que diz respeito a segurança, com sistemas que evitam a colisão frontal, aviso de mudanças de faixa e de carros nas imediações além de controle de cruzeiro adaptativo. 1756452321327378816 
Entre os motores há o 2.4 de quatro cilindros com 206 cv e 27 kgfm de torque e um 3.5 V6 de 290 cv e 36,5 kgfm de torque. O menor é combinado a uma transmissão de dupla embreagem de oito velocidades, enquanto o V6 está ligado a uma transmissão automática de nove velocidades com tração integral como opcional. 
5104697271987388141

terça-feira, 22 de abril de 2014

FERRARI CAI DE RIBANCEIRA EM MINAS GERAIS E DONO DESAPARECE




Uma Ferrari avaliada em R$ 200 mil caiu de uma ribanceira na rodovia MG-030, em Nova Lima, região metropolitana de Belo Horizonte.

Testemunhas disseram aos policiais que havia duas pessoas dentro da Ferrari, que saíram ilesas e deixaram o local do acidente. 

O carro seria de um morador da região, mas ele não foi localizado ainda. 

O primeiro Mustang da história era um roadster futurista de motor central-traseiro

O primeiro Mustang da história era um roadster futurista de motor central-traseiro
O primeiro Mustang da história tinha dois lugares, motor de quatro cilindros em posição central traseira, e não lembrava em nada o muscle car que se tornou alguns anos mais tarde. Mesmo assim, ficamos meio tristes por ele nunca ter sido produzido. 
A premissa era simples e direta: a equipe de Lee Iacocca recebeu da Ford a missão de criar um concorrente para o Chevrolet Corvair (que, na época, parecia promissor). A ideia era criar algo leve, elegante e barato — então o caminho natural foi um roadster de motor central traseiro de alumínio montado sobre um chassi tubular — você imagina um Mustang assim?
mustang-roasdster-640x419
Curiosos também eram os bancos, moldados na carroceria para aumentar a rigidez estrutural (e pareciam extremamente confortáveis). Como não permitiam regulagens, a solução foi criar um sistema onde a coluna de direção e os pedais se movessem, ajustando a posição de dirigir para cada motorista.
Mas impressionante mesmo era o conjunto mecânico: um motor alemão, com quatro cilindros em V com 60° entre as bancadas e deslocamento de apenas 1.5 litro, que era usado no Ford Taunus P4 e entregava originalmente singelos 65 cv.
Ford_Taunus_P4_12m_BW_1-cópia-640x359
Contudo, foram construídos dois protótipos: um para as ruas e outro para as pistas. Ambos traziam versões preparadas do motor V4, com 89 cv e e 109 cv, respectivamente.
Como você já deve imaginar, a Ford da década de 60 era bem mais ousada do que a Ford de hoje (o que também deve valer para todas as outras fabricantes), e este Mustang com jeito de roadster europeu tinha chances reais de entrar em produção — não fosse o alto custo de levar um projeto incomum como aquele à linha de produção. Assim, depois de um passeio do conceito pelos EUA, a Ford desenvolveu um segundo conceito, o Mustang II.
autowp.ru_mustang_concept_ii_1-640x480
Ele era bem mais parecido com o Mustang clássico que conhecemos hoje, adotando o motor V8 de 4,7 litros na dianteira. A única característica do primeiro conceito mantida foi a entrada de ar na lateral traseira — só não havia motor para resfriar.
Ao menos, se você procurar bem, pode até encontrar uma miniatura Hot Wheels deste Mustang que nunca existiu.
Então, antes de sair por aí dizendo que o Mustang Ecoboost de quatro cilindros não é um Mustang de verdade, lembre-se que o pony car da Ford nasceu com um pequeno motor de quatro cilindros. E a gente adoraria dar umas voltas nele!
mustang-roadster-concept-2-640x480mustang-roadster-concept-3-640x480 mustang-roadster-concept-4-640x480

Mas espere! Ainda não acabou!

Se você acha que este é o único Mustang “diferente”, meu amigo, você está enganado. Nos primeiros anos do modelo a Ford estava tão empenhada que não paravam de surgir conceitos baseados ou inspirados no muscle car.
No ano que vem a o Mustang completa 50 anos de produção e, para comemorar desde já, a Ford soltou algumas fotos inéditas de conceitos que ajudaram a formar a imagem do Mustang como o conhecemos naquela época até hoje.

Avanti 1962

FordAvanti_DesignConcept
Outra proposta de esportivo compacto e barato feita pela Ford naquele ano — mas em forma de cupê com quatro lugares. Não lembrava em nada o carro que veio a se tornar o Mustang dois anos depois, mas já deixava claras as intenções da marca no mercado — e foi a inspiração para a linha de teto do fastback.

Mustang quatro portas 1965

Mustang
Um ano depois do lançamento do Mustang e com um sucesso nas mãos, a Ford tratou de imaginar uma carroceria sedã de quatro portas. A ideia não foi para a frente — ainda bem.

Allegro II

1967_FordAllegroII_ConceptCar
Em 1967 , a Ford resolveu revisitar o primeiro conceito do Mustang, criando um roadster com estilo um pouco mais próximo do que conhecemos no Mustang, porém um pouco mais futurista.

Mach 2 1966

1970_FordMach2_Concept
Outro conceito com motor central-traseiro, mas desta vez um V8 289. Imagine como seria o Mustang hoje se ele tivesse sido produzido.

Conheça a nova Johammer elétrica, a moto caracol

Johammer J1 e J2 (1)
É um caracol gigante? Não! É a nova linha de motos elétricas da austríaca Johammer, que se inspirou no desenho de um caracol para desenvolver os modelos J1 150 e J2 200, que serão vendidos no mercado europeu até o fim deste ano.
Johammer J1 e J2 (3)
Ambas são equipadas com motor elétrico de 11 KW de potência e transmissão de uma única velocidade, que segundo a marca é livre de manutenção. A velocidade máxima é de 120 km para as duas motos. O que muda de uma para outra é a autonomia, por conta do tamanho da bateria: são 150 km na J1 (que pesa 159 kg) e 200 km na J2 (178 kg).
Johammer caracol (2)
A estrutura “caracolesca” feita de alumínio é apenas uma das sacadas modernosas da Johammer. Os freios, por exemplo, contam com sistema para recuperação de energia (recarregando a bateria), enquanto o painel de instrumentos foi substituído por displays nos retrovisores que mostram o velocímetro e a carga da bateria.
Johammer caracol (1)
Andar de caracol moderno, no entanto, não será nada barato: os preços anunciados são de 23 mil euros na J1 (cerca de R$ 71 mil) e 25 mil euros na J2 (aproximadamente R$ 77.500).

Compartilhe